HPV, E6, E7 e Câncer

Atualmente podemos detectar por biologia molecular  as proteínas E6 e E7 produzidas pelo HPV que pode alterar o comportamento das células do colo do útero por interagir com o gene P53 e a Proteína do Retinoblastoma.

Podemos encontrar essas proteínas E6 e E7 em 1/3 das mulheres com HPV.

O exame consiste na coleta de material do colo uterino semelhante à técnica de papanicolaou sendo que no papanicolaou é avaliada as características das céluas colhidas, e no tesete de detecção do E6 e E7 é avaliada a presença das proteínas E6 e E7 por biologia molecular.